domingo, 27 de maio de 2012

Cascas de berinjela viraram patê!


Domingo à noite decidi fazer uma saladinha simples de berinjela. Lá fui eu descascar as danadinhas, fiquei olhando para as cascas, elas olhando pra mim... Eu não queria fazer a saladinha com as cascas, mas jogá-las fora também já não era uma opção.


Fiz o seguinte: lavei bem as berinjelas descasquei e piquei. Fiz o mesmo com as cascas. Cozinhei tudo no vapor.


Essa panelinha à vapor é jurássica, 
ganhei junto com as manias do meu pai,
 quando tinha nove anos!

O legume eu passei no escorredor. Numa panela a parte refoguei no azeite uma cebola, alho e pimentão (nada de especial, coisas que eu tinha em casa), acrescentei a berinjela cozida, sal e vinagre (sem dó...).

Essa foi a saladinha. E as cascas?

Escorri as cascas, que ficaram bem macias, coloquei no processador com azeite, sal, vinagre e mais ou menos uma xícara da “tal saladinha” que fiz antes. Processei  bem e transformei tudo num patê. Tudo na medida do olho, usando a criatividade e sem medo de errar, porque eu eu iria comer de qualquer jeito, Mas...

Eu e meu marido jantamos o patê com pãozinho e com bolachinhas salgadas... Resultado: um sabor maravilhoso, mais saúde, economia e menos lixo no mundo.

A saladinha... Eu como amanhã!

Um Beijo grande a todos, acredito que em breve postarei com mais frequência.

Boa semana, Lola Flor!





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, deixe um comentário! Ficarei muito feliz em responder! Se quiser deixe também sugestões e críticas! Abraços, Lola.